Central das Notícias
Notícias, vídeos e humores
closeDownload
Baixe agora!
share icon

Professora do Glória promove atividades lúdicas para aproximar as aulas online das presenciais

Estadão

“Manhã alegre” permite o diálogo, a valorização de habilidades e, principalmente, a oportunidade de descontração

Em tempos de pandemia e aulas remotas, as manhãs da turma do Integral 5, do Colégio Marista Glória, tornaram-se um espaço no qual as crianças se encontram diariamente para expandir seus conhecimentos, aprendendo sobre si, por meio da partilha entre os amigos.

Diariamente, a turma se encontra para a chamada “manhã alegre”, em que as crianças, além de vivenciarem o momento de estudo também são convidadas a participarem de atividades que valorizam suas habilidades e competências, dando voz ao seu protagonismo.

“Partindo da escuta diária das crianças, foi possível construir um ambiente virtual repleto de alegria, felicidade e com diversas possibilidades, no qual o protagonismo das crianças é constante, favorecendo o trabalho com as questões socioemocionais tão relevantes na vida delas durante o período de isolamento social”, explica a professora responsável pela atividade, Bruna Macedo de Miranda.

Nos encontros online as crianças se reconhecem dentro do seu contexto histórico e cultural, comunicando-se, dialogando, abrindo-se ao novo, sendo criativas. Os alunos são convidados a falar, a argumentar e estimulados a escutar os demais para, juntos, decidirem as ações e atividades que serão desenvolvidas em grupo.

Segundo Bruna, com as decisões democráticas, os encontros online se tornaram um lugar de aproximação, um ambiente alegre. “A barreira colocada pela tela do computador não promove afastamento. Ao contrário, os aproxima”, afirma.

Entre as atividades propostas estão um café musical artístico, no qual os alunos se reuniram para tomar café online juntos e assistir apresentações preparadas pelas crianças, como show de bateria, flauta, declamação de poemas e expressão corporal. Também aconteceu a festa e culinária da Páscoa, em que as crianças partilharam como foi fazer a culinária em casa com a família, vestidas a caráter – pijama e fantasia de coelho – com direito a música e show de violão.

Um dos alunos da turma, Miguel Guedes, diz que mesmo que não possam se encontrar presencialmente, é possível conversar e se divertir com os projetos e os eventos divertidos propostos pela docente. “Gosto das professoras e sinto muita alegria. Acho muito bom fazer as atividades e os eventos. Sempre lembro das professoras e dos meus amigos”, revela.

Ver fontes Baixe!