Central das Notícias
Notícias, vídeos e humores
closeDownload
Baixe agora!
share icon

Chandra Namaskar: esses movimentos te ajudam a saudar a Lua Cheia!

Awebic

Se você quer encontrar um estado de bem-estar e equilíbrio físico, mental e emocional, irá gostar de aprender mais sobre o Chandra Namaskar. Popularmente conhecida como Saudação a Lua, essa técnica contém em uma série de asanas (posições) aplicadas durante a pratica de Yoga. 

Contudo, o Chandra não é tão conhecido como o Surya Namaskar, ou Saudação ao Sol. Essa outra técnica é poderosa e aumenta a energia vital solar dentro de casa indivíduo. Sua polaridade é masculina e positiva, capaz de provocar ânimo e trazer vitalidade para as pessoas. 

chandranamaskar

Já a saudação a Lua ajuda a absorver e centralizar a energia feminina proveniente da Lua. Essa carga tem polaridade negativa e possui muitos benefícios como, relaxamento, estimulo da criatividade e da fertilidade 

Você já deve saber que a Lua é um símbolo universal da força feminina, da magia, do inconsciente e de tudo que é oculto. Para o hinduismo, esse astro também está fortemente relacionado a vida dos seus antepassados e as facetas reproduzidas pelo Deus Shiva. 

QUEM PODE PRATICAR O CHANDRA NAMASKAR? 

Assim como toda a filosofia Yoga, o Chandra Namaskar é uma sequência que pode ser praticada por qualquer pessoa, independentemente de sua idade, peso ou gênero. 

O mais indicado é que as asanas sejam reproduzidas a noite, quando a Lua estiver visível. Contudo, nada impede que você execute a sequência no horário que for mais confortável. Se quer um pouco de relaxamento e uma energia mais tranquila, aposte no Chandra a qualquer hora do dia. 

Combinar os movimentos dessa sequência com uma sessão de Pranayamas e meditação também auxilia a trabalhar a polaridade negativa proveniente da Lua. Além disso, essa pratica ajuda a manter o corpo forte e flexível. 

QUANDO É MAIS INDICADO FAZER O CHANDRA NAMASKAR? 

Para iniciar a pratica o ideal é que você saiba em que fase a lua se encontra. Esses estimulo de consciência te ajudará a compreender como é possível que a Lua Cheia e a Crescente acumulem mais energia. 

chandranamaskar

Assim como os rios e as marés, os seres humanos (compostos por aproximadamente 70% de água), também sofrem influência direta das fases Lua. O autor e professor americano, Tim Miller costuma afirmar isso em suas obras sobre o yoga Ashtanga Vinyasa e nesse artigo vamos compreender as principais características de cada período. 

A ENERGIA DA LUA CHEIA 

Você sabe o que é Prana? Segundo as antigas escrituras da Índia, essa é a energia vital que preenche todas as camadas do cosmo. Ela é capaz de ser absorvida por todas as formas de vida através do ar. Com a chegada da Lua Cheia, o Prana chega ao nível máximo. 

Ele promove uma força ampla, capaz de te deixar enérgico e com as emoções em destaque. Isso torna o momento ideal para expandir suas habilidades e objetivos. Contudo, é possível que fique um pouco mais disperso. 

A ENERGIA DA LUA NOVA 

Agora você vai precisar compreender o que é apana. Com a chegada da Lua nova, essa força nos direciona para uma energia mais calma. Durante essa fase, a apana é mais intensa e promove a sensação de aterramento. No entanto, é possível que fiquemos mais preguiçosos e desanimados para praticar exercícios físicos. 

YOGA E RECONEXÃO 

Quem busca harmonia e equilíbrio pode apostar na pratica de Yoga para transformar seu estilo de vida. Essa filosofia tem como intuito principal tornar as pessoas mais conscientes de suas emoções e ciclos. 

Compreender esses aspectos ajuda a observar qual é a influência provocada pelo universo em nossas vidas. É por isso que, da mesma forma que a saudação ao sol, conectar com a força da Lua, através do Chandra Namaskar, é essencial para o nosso autoconhecimento. 

Entenda que, quando você domina a Yoga, o conhecimento te liberta das amarras que impedem a expansão da sua alma! Embarcar nessa sabedoria, vai te ajudar a expandir e conhecer as facetas da vida e do seu verdadeiro eu. 

QUAIS SÃO AS ASANAS DO CHANDRA NASMASKAR? 

Essa é uma sequência com movimentos fluidos trabalhados na Yoga. As posturas devem ser, preferencialmente, feitas durante o período de Lua cheia ou Nova. Essa pratica ajuda a absorver melhor as energias lunares, promovendo o equilíbrio das emoções. 

Na relação Yin Yang,Surya Namaskar funciona como o contraponto do Chandra. Ele possui uma sequência rápida e bastante agitada, enquanto a saudação a lua permite movimentos lentos e tranquilos. 

Dependendo do treino, podem existir diversas variações da pratica. Contudo, a seguir você poderá conferir a forma básica de executar o Chandra Namaskar. 

  • POSIÇÃO DA MONTANHA 

Você deve apoiar os pés completamente no chão, com as pernas unidas. Em seguida mova a cabeça em direção a Lua e posicione as mãos na mudra que preferir.  

  • POSIÇÃO DA MEIA-LUA 

De forma fluida, levante os membros superiores e entrelace os dedos acima da cabeça. Em seguida incline o corpo para o lado direito mantendo os pés fixos no chão. Observe para que o seu quadril não se projete para frente ou para trás.

É importante sentir cada parte do corpo esticando enquanto você respira fundo! Repita o processo para o lado esquerdo e depois volte para a posição inicial. 

  • POSIÇÃO DA DEUSA 

Você vai precisar angular os pés ligeiramente para fora. Mantenha a distância de cerca de 1m entre eles e dobre devagar até que o quadril esteja alinhado aos joelhos. Em seguida erga os braços, mantendo os cotovelos em um ângulo de 90 graus. Lembre-se de manter os pés bem fixos ao chão ou tapete de Yoga! 

  • POSIÇÃO ESTRELA 

Mantendo os pés fixos, estique suas pernas de modo a levantar o quadril e em seguida ficar em pé. Agora você deve levantar os membros superiores e mantê-los abertos na altura dos ombros. 

  • POSIÇÃO TRIANGULO 

Você vai dar “continuidade” ao movimento anterior, apontando o pé direito para a direita e mantendo o esquerdo virado para frente. Em seguida você deve inclinar o corpo para baixo mantendo os braços na posição que estavam. Com os braços abertos você vai estar com uma mão no chão e outra apontando para cima. 

  •  POSIÇÃO PIRAMIDE 

Coloque as duas mãos viradas para o chão fazendo com que abracem o pé direito. Em seguida direcione os dois pés para a frente. Force um pouco a cabeça tentando aproxima-la do joelho. 

  • MOVIMENTOS DE TRANSIÇÃO 

Repita os mesmos movimentos com o lado esquerdo do corpo. Você deve fazer a sequencia de trás para frente, saindo daqui e seguindo até o primeiro movimento.

Ver fontes Baixe!